Páginas

ATENÇÃO. PARTE DO CONTEÚDO POSTADO NESTE BLOG FOI RETIRADO DIRETAMENTE DA INTERNET. PORTANTO, CASO SE SINTA OFENDIDO OU VIOLADO OU SE ENCONTRAR FOTOS OU VIDEOS COM MENORES DE IDADE EM NOSSO BLOG, ENTRE EM CONTATO CONOSCO QUE RETIRAREMOS O MAIS BREVE POSSÍVEL.

avadiaeocorno@gmail.com

domingo, 29 de dezembro de 2013

VIDEO - REPORTAGEM SENSACIONAL SOBRE SWING E MÉNAGE (A LIGA)


ENTENDA UM POUCO MAIS SOBRE O MUNDO LIBERAL, SWING, MENAGE.
SAIBA PORQUE MUITOS CASAIS ESTÃO ADERINDO A ESTE ESTILO DE VIDA E ESTÃO CONSEGUINDO SALVAR SEU CASAMENTO.



SE GOSTOU COMENTE, COMPARTILHE... DEIXE SEU COMENTÁRIO PARA AS PRÓXIMAS POSTAGENS

11 comentários :

  1. Uma portuguesa que espera ainda praticar swing19 de março de 2014 23:23

    Considro que a pratica do swing não tem nada de condenavel, antes pelo contrário, vejo que é um processo de os casais encontrarem diversas formas de obter prazer sexual e que ambos os membros do casal podem escolher os parceiros que forem do seu inteiro agrado sem que seja considerado traição. É possivel que, caso nas primeiras vezes haja logo entrega total a outros participantes, que sintam algum ciume ver o esposo penetrar outra mulher ou a esposa ser penetrada por outro homem, portanto concordo que inicialmente sejam somente observadores ou que transem apenas um com o outro para se ambientarem, vendo que a maioria já não tem qualquer pudor, fodendo á vista de toda a gente. Eu, como mulher casada, bem gostaria de exprimentar o swing, mas o meu marido não aceita sequer acompanhar-me a qualquer desses locais.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Uma esposa satisfeita3 de janeiro de 2015 00:41

      Comversa com o teu marido nos momentos em que ambos estejam excitados, sobre a prática de swing, vê se consegues que êle assista a alguns videos com casais trocando de parceiro, pode ser que resulte ver com os próprios olhos que o swing, embora continue a ser tabú perante uma parte da sociedade algo retrogada, está a ser cada vez mais praticado, não só por casais jovens como também por imensos casais de meia idade. Foi precisamente o que sucedeu connosco, ambos na faixa dos 40 anos, descobrimos no swing uma forma de aumentar o prazer sexual. No nosso caso fui eu, a esposa, que receava tal ambiente, mas o meu marido acabou por convencer-me; prometendo que seria apenas como observadores. Na verdade, as duas primeiras vezes foi sómente como observadores, mas o ambiente criou tanta excitação, que em dado momento, não resistindo mais; o meu marido levantou-se, deu-me a mão, conduziu-me para um reservado e ali fodemos como dois loucos. A partir desse dia perdi completamente o pudor e aceitei trocar de parceiro, desde que tanto para mim como para o meu marido, o casal mereça total confiança e nos provoque desejo de foder com êle. Evidentemente que tem havido surpresas, muitas bastante boas e raras decepcionantes; Além da troca de parceiros exprimentamos também já menagens masculinas, que eu adorei, ter dois homens á minha disposição a dar-me prazer, é algo que só quando uma mulher tem a oportunidade de tal experiência pode comparar o goso assim obtido com o que sente com um homem apenas. Portanto mais uma vez recomendo, continua a insistir com o teu marido.

      Excluir
    2. Uma esposa que pela primeira vez praticou swing23 de setembro de 2015 22:17

      Segui á risca o teu conselho, não deixei de insistir com o meu marido para termos uma experiência swing e êle acabou por concordar, mas só e fosse no estrangeiro, num local onde não houvesse a possibilidade de encontrar alguém conhecido. Para o efeito resolvemos passar umas férias em frança, própriamente na cidade de nice. Quando decidimos realmente ir á boat swing ainda estava receosa de encontrar lá algum casal portugues, em virtude dos muitos portugueses emigrados naquele país, mas felizmente tal não aconteceu. Pagamos (x) á entrada, com direito a algumas bebidas. Já havia inumeros casais sentados, mesas normalmente com 2 ou três casais, que nos olharam com curiosidade, pois certamente notaram a nossa timidez naquele ambiente. que apesar de não ser visivel qualquer acto imoral era um ambiente bastante sexy. Nenhum dos casais nos convidou para a sua mesa, pelo que ficamos sós. Uma jovem empregada, cujo vestuário pouco ocultava da sua nudez, logo se apróximou com as bebidas que fomos ingerindo, Bem via vários casais subirem e descerem do primeiro andar e apesar do desejo que sentia de ver o que se desenrolava nesse espaço, limitamo-nos a observar as actuações eróticas na pista de dança, não só das strips profissionais como igualmente de outros elementos femeninos, que deixando as mesas onde se encontravam, optaram por exibir também os seus corpos. Foi assim a nossa primeira noite no swing. Regressamos de novo na noite seguinte, já mais á vontade no ambiente e decididos a ir em frente com o que tencionavamos. Chegamos mais cedo, sentamo-nos novamente sós. mas pouco depois um dos casais que na noite anterior nos havia olhado bastante, acercou-se de nós perguntando se poderiam sentar-se connosco. Dissemos-lhe que sim. Apresentaram-se. Filipe e Guadalupe, ambos bastante simpaticos, de nacionalidade espanhola. Foi a Guadalupe a segredar-me se aceitava o seu marido para fazer sexo, pois ela gostaria de transar com o meu marido. Exitei na resposta, embora não me importasse de aceitar, desconhecia ainda se o meu marido simpatizava ou não com a Guadalupe e haviamos combinado que uma troca de casais teria de ser feita só em comum acordo. Olhei para o meu marido de tal forma que notou as duvidas que eu tinha em relação a êle. Aproximou-se de mim, dizendo-me ao ouvido que se eu aceitava o Filipe êle, por sua vez, ia adorar conhecer intimamente a Guadalupe. Portanto ambos os casais de pleno acordo. Subimos ao primeiro andar, onde, num quarto, com uma ampla cama, eu iria conhecer intimamente outro homem e pela primeira vez e ver o meu marido com outra mulher. Apesar do meu pudor inicial, com o Filipe a despir-me, acabei por descontrair e estava tão anciosa por sentir um pénis diferente penetrar-me que só dei atenção ao meu marido quando ouvi a Guadalupe gemer de prazer, com a lingua do meu marido entre as suas pernas. O Filipe era muito bem dotado, mas antes de me penetrar também saboreou o netar que escorria de minha intimidade, provocando-me com a lingua o primeiro orgasmo e ao senti-lo depois todo dentro de mim, nem queria acreditar que era verdade estar fodendo com um desconhecido, mas valia bem a pena face ao prazer que estava a usufruir, com orgasmos tão intensos como á muito tempo não sentia. Não existiu qualquer ciume, tanto da minha parte como do meu marido. Ambos adora-mos, foi apenas uma aventura que não tenciona-mos repetir. Uma experiência que perdurará na nossa memória ao longo de toda a vida.

      Excluir
  2. gostei muito da matéria,mostra que não é apenas sexo,e sim deixar as fantasias aflorarem, e também mostra o respeito que todos os casais tem com todos na casa,nada é obrigatório mas tudo é permitido,sempre com respeito!!

    ResponderExcluir
  3. MINHA ESPOSA QUER EXPERIÊNCIA EM COMER OS CUZINHOS DE COMEDORES PREFERENCIA DE VIRGENS COMO FAZEM SUAS AMIGAS PUTINHAS DIZENDO QUE É EXELENTE E MUITO PRAZEIROSO ACABANDO ELA TODA COMENDO COM O VIBRADOR O MACHO PARA APÓS SER COMIDA, DE TODOS LUGARES CUZINHOS DOS COMEDORES SERÃO BEM VINDO, VIRGENS SE DE MELHOR AINDA NO PRAZER DOS ORGASMOS, MARIDO QUER OLHAR E SE MASTURBAR. A CLAUDIA

    ResponderExcluir
  4. MINHA ESPOSA QUER EXPERIÊNCIA EM COMER OS CUZINHOS DE COMEDORES PREFERENCIA DE VIRGENS COMO FAZEM SUAS AMIGAS PUTINHAS DIZENDO QUE É EXELENTE E MUITO PRAZEIROSO ACABANDO ELA TODA COMENDO COM O VIBRADOR O MACHO PARA APÓS SER COMIDA, DE TODOS LUGARES CUZINHOS DOS COMEDORES SERÃO BEM VINDO, VIRGENS SE DE MELHOR AINDA NO PRAZER DOS ORGASMOS, MARIDO QUER OLHAR E SE MASTURBAR. A CLAUDIA

    ResponderExcluir
  5. Sou portuguesa, tenho 39 anos estou casada á 15 e tenho esperança de convencer o meu marido a levar-me a uma casa de swing, pois considero um local não condenavel, visto não ser obrigatório a troca de parceiro sexual e quando tal acontece é porque ambos os membros do casal concordaram com essa experiencia. Não digo que aceitarei alguma vez semelhante troca, mas se tal acontecer será com alguém que seja do meu inteiro agrado e membro femenino também do meu marido.

    ResponderExcluir
  6. oi sou brasileiro moro em campinas sp e adorei a materia tenho 35 anos e quero conhecer casais especiaisda minha regiao adoro ece tema me liguem 19 983486903 whatsapp

    ResponderExcluir
  7. Bom dia amigos, estou tentando convencer minha esposa a dar para negros, quero ver ela ser arregaçada, inclusive criamos um blog pra ela se soltar, se vcs puderem ajudar e dar uma olhado e comentar, me ajudem a convence-la a virar puta, comentem no blog: http://brincacasal.blogspot.com.br/2015/01/esposa-gosta-de-pau-negro.html

    ResponderExcluir
  8. comedor em Lisboa....
    corninhos e hotwifes podem escrever para:
    comedor_de_esposas@live.com.pt

    sou maduro e pauzudo

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...