ATENÇÃO. PARTE DO CONTEÚDO POSTADO NESTE BLOG FOI RETIRADO DIRETAMENTE DA INTERNET. PORTANTO, CASO SE SINTA OFENDIDO OU VIOLADO OU SE ENCONTRAR FOTOS OU VIDEOS COM MENORES DE IDADE EM NOSSO BLOG, ENTRE EM CONTATO CONOSCO QUE RETIRAREMOS O MAIS BREVE POSSÍVEL.

avadiaeocorno@gmail.com

quarta-feira, 26 de novembro de 2014

TERMO DE PERMISSÃO DE USO DE ESPOSA PUTA


Termo de Permissão de uso de esposa

TERMO DE PERMISSÃO GRATUITA DE USO DE ESPOSA PUTA , EXIBIÇÃO EM PUBLICO E FOTOGRAFIA DIGITAL E DE OUTRAS DISPOSIÇÕES QUE ENTRE SI CELEBRAM O CORNO A PUTA E O COMEDOR .................................... Aos XX dias do mês XXX do ano de 2014, o Sr XXXXXXX, inscrito no CPF/MF sob o nº XXX.XXX.XXX-XX ,residente e domiciliado a rua XXXX , cidade de XXX/XX, portador da Carteira de Identidade nº .................. – ........./..........., no uso de suas atribuições, neste ato denominado simplesmente PERMITENTE CORNO, da Sra XXXXXXX, inscrito no CPF/MF sob o nº XXX.XXX.XXX-XX ,residente e domiciliado a rua XXXX , cidade de XXX/XX, portador da Carteira de Identidade nº .................. – ........./..........., ........./..........., no uso de suas atribuições, neste ato denominada simplesmente ESPOSA PUTA e de outro lado o ..........................., inscrito no CPF ........................, residente à ..................................., CEP ......., portador(a) da Carteira de Identidade nº .................................. – ........./........... e doravante denominado PERMISSIONÁRIO COMEDOR resolvem firmar o presente Termo de Permissão Gratuita de Uso e de Outras Disposições, em consonância com a Constituição da Republica Federativa do Brasil e mediante as cláusulas e condições a seguir estabelecidas. CLÁUSULA PRIMEIRA – DO OBJETO O presente Termo tem por objeto a permissão de uso gratuito ao PERMISSIONÁRIO COMEDOR da ESPOSA PUTA do PERMITENTE CORNO. Subcláusula
Primeira. A ESPOSA PUTA do PERMITENTE CORNO , será entregue ao PERMISSIONÁRIO COMEDOR mediante recibo detalhado e em perfeito estado de conservação e uso. Subcláusula Segunda. O PERMISSIONÁRIO COMEDOR será contemplado com o fornecimento de uma ESPOSA PUTAlegitimamente casada, a ser fornecida sempre que desejar, conforme sua escolha, condicionado apenas a devolução ao final do período de uso em perfeita integridade e satisfação a analise da ESPOSA PUTA deverá ser realizada no site http://www.sexlog.com.br/sandracasada. Subcláusula Terceira. Este termo anula-se automaticamente caso o PERMISSIONÁRIO COMEDOR não satisfaça os desejos da ESPOSA PUTA objeto da presente permissão . CLÁUSULA SEGUNDA – DA AUTORIZAÇÃO E CONDIÇÕES PARA UTILIZAÇÃO O PERMITENTE CORNO, por este Termo, autoriza o PERMISSIONÁRIO COMEDOR, sem ônus de qualquer natureza, a utilizar a ESPOSA PUTA mostrada no link acima na realização restrita de sexo consensual, namoro e outras ações de relacionamento pessoal e interpessoal, com ênfase na satisfação da ESPOSA PUTA e sua total felicidade e gozo. Subcláusula Única - É expressamente vedada a utilização da ESPOSA PUTA em outras atividades que não estejam contempladas no âmbito da previsão e condições expressas acima, sob pena de cancelamento unilateral do presente termo e imediata devolução da mesma nas condições em que foi entregue. CLÁUSULA TERCEIRA – DA CONSERVAÇÃO/MANUTENÇÃO, DA GUARDA E DA DEVOLUÇÃO A PERMISSIONÁRIO COMEDOR utilizará e conservará a ESPOSA PUTA objeto da presente permissão, devendo entregá-la ao PERMITENTE CORNO, quando for o caso, no mesmo estado em que o tiver recebido, salvo os desgastes decorrentes do uso natural da sua finalidade. Subcláusula primeira. É de plena e exclusiva responsabilidade do PERMISSIONÁRIO COMEDOR a guarda e a proteção da ESPOSA PUTA enquanto estiver em sua posse. Qualquer fato que implique na perda, furto ou extravio da ESPOSA PUTA, o PERMISSIONÁRIO COMEDOR providenciará a sua imediata reparação ou indenizará o PERMITENTE CORNO, no caso de rescisão ou decurso de prazo deste termo, de tal forma que permita o retorno da ESPOSA PUTA, com as mesmas qualidades, funções e características da época da permissão original. Subcláusula Segunda . Em caso de a ESPOSA PUTA vier a ter frutos(filhos) da relação com o PERMISSIONÁRIO COMEDOR cabe ao PERMITENTE CORNO assumir e registrar em cartório como sendo seu facultando ao PERMISSIONÁRIO COMEDOR visitas eventuais. Subcláusula Terceira – O PERMISSIONÁRIO COMEDOR só terá direito de revelar que é pai dos frutos(filhos) da relação em caso de DOAÇÃO EM DEFINITIVO prevista na Cláusula sexta . CLÁUSULA QUARTA – DA FISCALIZAÇÃO A fiscalização e acompanhamento será feita pelo PERMITENTE CORNO, ou a quem este formalmente indicar, ficando desde já o PERMISSIONÁRIO COMEDOR obrigado a enviar relatórios acerca da utilização da ESPOSA PUTA, facilitar a execução da fiscalização além de atender a todas as solicitações. CLÁUSULA QUINTA – DA DENÚNCIA E DA RESCISÃO Este Termo de Cessão de Uso poderá ser denunciado por qualquer das partes ou rescindido, automaticamente, por descumprimento de qualquer das cláusulas pactuadas, ou por superveniência de norma legal ou administrativa que o torne material ou formalmente impraticável. Subcláusula Única. Fica o PERMISSIONÁRIO COMEDOR, em qualquer caso, obrigado a restituir a ESPOSA PUTA imediatamente ou no menor prazo possível , a contar da notificação do fato ou, de decisão negativa acerca de recurso interposto.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...